Prodomo na Modernos Eternos 2021

Passado e presente é o que resume o casamento perfeito celebrado pela Modernos Eternos 2021 que se realiza na construção que figura um ícone da cena arquitetônica da cidade de Belo Horizonte, o Colégio e Faculdade Arnaldo. 

Este ano tivemos o grande prazer de participar do evento através de profissionais que muito admiramos, as arquitetas Nathália Moreira e Paula Marotta do escritório Moreira Marotta Arquitetura e as arquitetas Ana Machado e Paula Sallum.

Lounge Gourmet

Nathália Moreira e Paula Marotta (Moreira Marotta Arquitetura)

“Criado para conectar, permanecer e desfrutar. Em meio ao boulevard gourmet, entre atrações gastronômicas e artísticas, sobre o calçamento tão enraizado e presente na cultura mineira, o lounge gourmet se faz presente.
Nele é possível transitar, apreciar e pousar para o desfrute de um fim de tarde agradável, em uma das mais icônicas e marcantes edificações da capital mineira.

Um projeto criado por almas modernas e que traz referências da sua época, também transita entre o clássico original, atemporal e eterno. Em tempos atuais, o espaço é aberto em todas as suas laterais e foi projetado sob cobertura translúcida, de onde é possível ver o céu.

As peças de mobiliário selecionadas a dedo criam uma composição que acolhe e convida através dos espaços de conversação, mesas coletivas e vegetação expressiva. Um espelho reflete aquele que o vê e sente, e o convida a estar ali e se conectar com o ambiente.”

No ambiente as profissionais usaram o sofá Portfólio, a mesa lateral Pollo, mesa de jantar MG, mesa Sol Alta e poltronas Brasil.

Ateliê da artista

Ana Machado e Paula Sallum

“Entendemos que um ateliê é lugar de trabalho onde pessoas com vontade de criar e experimentar, manipular e produzir um ou mais tipos de arte. Partindo desse conceito, usamos como inspiração e dedicação, a artista Rita Lessa, que com sua pluralidade na arte nos mostra um espaço com alma, aconchego e charme. Através desse espaço plural, mostramos ao público que a arte ultrapassa a produção da tradicional tela pendurada na parede e podemos desfrutar da arte em tecidos, na estamparia das roupas e até dar brilho na “feiura” dos textos e frases inscritos nos muros, tapumes espalhados pela paisagem urbana. Assim, a alma do ateliê da artista foi tomando forma e convidando o público a mergulhar pela sua arte. O primeiro impacto do visitante é uma grande parede de diferentes texturas e estampas, contrapondo a estante com suas inspirações, livros, telas, esculturas e frases pixadas que marcam as etapas da vida da artista. Logo na entrada, um carrinho de madeira e ferro, com o material de trabalho, possibilita mobilidade e a criação da arte em qualquer lugar. A mesa de madeira maciça dá o suporte para sua criação, junto com a luminária industrial que ilumina sua arte noite a fora. O aconchego do sofá modular dá um descanso para sonhar e receber os amigos com muito conforto. A poltrona assinada e histórica permite que a artista navegue por seus livros e se inspire. Cada detalhe desse ambiente foi pensado cuidadosamente para que a experiência dos usuários fosse inesquecível e inspiradora, assim como a alma da nossa artista.”

No ambiente as arquitetas usaram a mesa lateral Pollo, a estante Duda e o sofá Arnaldo, criado em especial para o projeto.

Fotografias de Gustavo Xavier (@gustavoxavierfotografia)